Archive

Archive for the ‘Uncategorized’ Category

marinamizioka.com

abril 2, 2012 Deixe um comentário

Agradeço a visita ao meu (ex)blog. Agora estou neste endereço: http://www.marinamizioka.comImagem

Obrigada!

Nossas necessidades já estão sendo confundidas com desejos

outubro 2, 2011 Deixe um comentário

Pense em algo que você necessita muito… ou seja, não estou falando de desejo, OK?
Vai pensando que eu vou falando coisas que necessito: garantia de uma excelente previdência sem gastos maiores ao longo do tempo, plano de saúde também sem gastos altos e que fosse com despesas decrescentes ao longo do tempo, imóvel em local 100% seguro e com excelente preço, estradas seguras e perfeitos tapetes, já que você paga IPVA e pedágios. Ah, e metrôs e ônibus eficientes, confortáveis, seguros e sem superlotação. Também necessito de pontos de abastecimento de energia para veículos, já que eu quero um dia comprar um carro elétrico e largar o que hoje necessita de álcool e gasolina (também me refiro ao meio-ambiente).
Necessito também ser atendida por pessoas com um mínimo de inteligência e vontade quando vou às lojas, restaurantes ou entro em contato com SACs, e para isso preciso que QUALQUER escola forme alunos 100% qualificados.
Também tenho a necessidade de pessoas gerando menos pessoas em meu país e nos vizinhos, ou se preferir, pessoas mais espalhadas nos lugares, então preciso que haja oportunidades e condições muito boas em todos lugares.

E novamente, estou falando de necessidades apenas, mas acabamos tendo tantos problemas em obtê-las que em nosso inconsciente, já são consideradas desejos.

Categorias:Uncategorized

patriotismo americano

julho 24, 2011 Deixe um comentário
Categorias:Uncategorized

WikiLeaks – Até que ponto você é a favor?

dezembro 13, 2010 Deixe um comentário

Julian Assange

Ah, esse dilema sobre ser a favor ou contra o caso WikiLeaks está deixando muita gente dividida. E novamente a democracia e o poder da internet voltam ao foco de todos. Até onde é um direito seu saber o que realmente ocorre com decisões e planos dos governos mais poderosos do mundo (que, por consequência e globalização, são todos os países), e que com certeza reações diretas ou indiretas recaem sobre você?

 

Até onde é outro direito seu de saber que o laboratório responsável pelos comprimidos que você toma paga rios de dinheiro aos governantes africanos para que eles se calem perante os testes de drogas para adultos em crianças-cobaias (hoje todas mortas, pois não aguentaram as reações químicas em seus corpos, ou então ficaram cegas e surdas)? E do outro lado, até que ponto informações militares e executivas podem ser roubadas e publicadas na internet? Algumas informações levadas a público não poderiam colocar a população de vários países em risco, até mesmo por terrorismo?

O bode expiatório da vez é o australiano Julian Assange, editor do WikiLeaks, prometendo deflagrar governos (principalmente o americano) e grandes corporações, que foi abandonado por seus sócios após notarem que o WikiLeaks não estava mais cumprindo seu papel original. Andou para lá e para cá, escondido, utilizando apenas dinheiro vivo e trocando de celular praticamente todos os dias.

Julian estava primeiramente foragido devido a acusações de agressão sexual na Suécia (embora ele negue, dizendo que foram casos consensuais). Quando ele resolveu se entregar à Scotland Yard (Inglaterra), o tribunal inglês negou fiança, o que foi o gatilho para ataques de hackers aos sites das empresas que antes apoiavam o WikiLeaks e que “tiraram o corpo fora” após o início dos escândalos, como Visa.com, Mastercard, PayPal, Amazon, todos voltando ao normal em poucas horas. Mesmo na prisão, sua equipe divulgará documentos importantes e confidenciais aos jornais The Guardian, Le Monde, Der Spiegel e El País, caso o tribunal teime em não liberar fiança a partir do dia 14/12.

Pense e reflita: até onde vai seu direito como cidadão do mundo de saber o que está ocorrendo? E até onde sua privacidade é levada em consideração? Você acha que teríamos um WikiLeaks offline hoje, se não houvesse a internet? Teríamos outra direção para o conceito de democracia e privacidade?

Perfeita apresentação Web 3.0 – Marcelo Negrini

novembro 26, 2009 Deixe um comentário

O Boticário // Casa das Alianças

novembro 26, 2009 Deixe um comentário



O Boticário // Casa das Alianças

Upload feito originalmente por marinatm

Mesma imagem, efeitos no flash, só alterou o nome na sacola.
Casa das Alianças faz cópia sobre site do O Boticário, mas alterou imagem hoje, pela manhã.

Categorias:Uncategorized

outubro 30, 2009 Deixe um comentário

Testing Ping

Categorias:Uncategorized
%d blogueiros gostam disto: